Assunto:

No nosso blog queremos mostrar os trabalhos do 4º Ano que fazemos na Escola Praia do Riso. Vamos mostrar nossas aulas de Inglês, Ciências, Geografia, Matemática, Português, História, Informática, Artes e Educação Física.



sexta-feira, 30 de novembro de 2012

Relato sobre a Maquete - Larissa


Florianópolis, 30 de agosto de 2012.
Nome: Larissa
Relato Sobre a Construção da Maquete
        Nesse ano, nós do grupo do 4º ano, estamos fazendo uma maquete. Tivemos para facilitar o nosso desempenho na maquete, algumas leituras, textos: Indígenas Catarinenses, Índios Carijós, As Necessidades de Cada Um, Terra à Vista e Em Busca de Aventuras. Os textos falam sobre índios que trabalham para fazer trocas, objetos como espelhos, flechas, esstas flechas eram para matar os animais como: peixes, boi e vaca etc...Tem textos que falam sobre os índios, que tem roupa normal, como as dos catarinenses. Nós do grupo do 4º ano, aprendemos que, quando falamos dos índios, está errado porque não são todos os índios que fazem as mesmas coisas; como tem alguns que ficam pelados e outros com roupa, como camisa, vestido, shorts. Ah, também sei que tudo que me perguntarem sobre os índios a ideia sempre será, alguns sim e outros não, por exemplo: uns pintam o rosto e outros não!
       O segundo passo para deixar o nosso raciocínio mais ágil: nós vimos os filmes Náufragos 1 e 2 que conta sobre o incrível Aleixo Garcia, foi o primeiro europeu a encontrar os índios em Florianópolis, Santa Catarina e também vimos, o filme Pindorama, nesse vídeo apareceu a chegada de Cabral no Brasil e tinha uma musiquinha do Pindorama.
      Visitamos um site chamado “Isa” que quer dizer, Instituto Sócio Ambiental, que era sobre algumas tribos agora no presente. O site quer dizer que algumas tribos são mais adiantadas, principalmente os jovens, com aproximadamente 30 a 45 anos, e alguns possuem celular, os mais velhos às vezes não tem isso.
      Na aldeia M’BYA, eu não fui porque estava doente, mas ouvi alguns colegas falarem, que tinha feiras de compras e que o banheiro só tinha lá embaixo na escola, então eles só poderiam ir uma vez. Sei que lá tinha uma escola para os índios se alfabetizarem e, melhor, aprendi que alguns deles sabem falar em português, eles aprendem sobres nós (não índios).
      Nós relemos os textos para fazer a maquete, os textos relidos foram As Necessidades de Cada Um e etc.. Relemos os textos em grupo, fizemos anotações e assim decidimos fazer sorteio, as anotações sobre os centímetros de cada objeto, fizemos assim: as pessoas mais ou menos 15 centímetros, árvores com mais de 15 centímetros, navios mais ou menos 30 centímetros, castelos mais de 40 cm, animais mais ou menos 5cm. Fizemos as coisas como: pessoas, árvores, navios, castelos e animais, recortamos tudo e pronto. Montamos para avaliar e vimos que as crianças não conseguiram fazer o contorno dos países da maquete, ficando pequeno e errado.
      Foi então que combinamos com a Ju, (nossa querida prof.) ia fazer o contorno e aumentar o lindo mar e fazer a bastilha, astrolábio, quadrante e etc. Ficando tudo muito bom e bonito de ver, e esse é o meu relato.
FIM!!!!

Revisores: Larissa e Juliana